Jovens do Case Padre Cacique recebem carteira de artesão

Os 11 jovens receberam a carteira de artesão nesta sexta-feira

Os 11 jovens receberam a carteira de artesão nesta sexta-feira

Os adolescentes do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) Padre Cacique receberam a carteira de artesão nesta sexta-feira (6/7). O documento, emitido pela Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS), regulamenta a profissão. O grupo de 11 jovens se capacitou com o objetivo de criar e restaurar peças artesanais.

O presidente da Fundação de Atendimento Sócio-Educativo (Fase), Robson Luis Zinn, destacou a importância de ações de qualificação profissional feitas com os socioeducandos. “Cada um de nós tem uma oportunidade. Temos que nos agarrar ao que nos faz viver de maneira digna e isso inclui, sem dúvida, estudar”, afirmou.

Também participaram da cerimônia de entrega, o diretor do Case Padre Cacique, Pedro Falkenbach, a coordenadora pedagógica, Janaína Mildner e a socioeducadora e ministrante do curso, Neiva Teresinha Pereira.

Peças produzidas pelos adolescentes

Peças produzidas pelos adolescentes

Texto e foto: Daiana Camillo

667 visualizações 2 visualizadas hoje