Fase recebe visita do diretor do Departamento de Administração Socioeducativa de Santa Catarina

zeno

O presidente da Fundação de Atendimento Sócio-Educativo (Fase), Robson Luis Zinn recebeu, nesta segunda-feira (23), a visita do diretor do Departamento de Administração Socioeducativa (Dease) de Santa Catarina, Zeno Augusto Tressoldi. O dirigente catarinense destacou que o objetivo da visita foi “partilhar as  experiências existosas que cada entidade possui visando a melhoria dos processos socioeducativos”.

Sobre a realidade de seu sistema, Tressoldi ressaltou que são 450 adolescentes internos no para o mesmo número de vagas existentes. “Lá nós temos pré-implantada uma Central de Vagas, que é o que faz toda a diferença na socioeducação em si. Sem ela, as unidades catarinenses acabariam ficando superlotadas’, aponta.

O titular do Dease explicou que a Central de Vagas de Santa Catarina funcionou nestes moldes durante um ano e meio e que passará a operar, em caráter definitivo, até o final de dezembro de 2017. “Esse foi um trabalho conjunto com todos os atores do sistema socioeducativo, entre eles, o Tribunal de Justiça e as secretarias de Estado da Justiça e Cidadania e também da Segurança Pública ”.

No comparativo com outros estados, Tressoldi disse que o que faz o diferencial na socioeducação é não ter superlotação nas unidades. “Com  esse quadro, o trabalho é muito mais difícil. Mesmo assim, temos exemplos como no caso do Rio Grande do Sul que vem fazendo um ótimo trabalho, porém você acaba com limitações”, concluiu.

Texto e foto: Marcelo Vaz

189 visualizações 1 visualizadas hoje