Case Novo Hamburgo é contemplado com recursos da VEC para Caseoteca

Case NH

Por meio de um convênio firmado com a Vara de Execuções Criminais (VEC) de Novo Hamburgo, o Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) recebeu recurso na ordem de R$ 28.907,29 para equipar a sua Caseoteca, espaço de leitura utilizado pelos socioeducandos.

O projeto foi organizado e desenvolvido pelos servidores da unidade Ana Paula Schoninger Van Grol, Sandra Pavanello e Fábio Batista da Silva e a verba intermediada pelo juiz Carlos Fernando Noschang Júnior. A Caseoteca foi pensada para atender aos adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa, dentro de um espaço de leitura e oficinas, onde pudessem ressignificar as ações dentro e fora da unidade.

Segundo a equipe, a iniciativa tem mostrado resultados interessantes, onde é possível perceber adolescentes que iniciam com leituras simples e vão aumentando com o passar do tempo suas habilidades. “O retorno do projeto tem sido maravilhoso, eles conversam sobre os livros que estão lendo, se interessam cada vez mais pela leitura, ainda mais neste período em que muitas atividades foram suspensas em função da pandemia. Esse recurso vai possibilitar a disponibilização de mais livros, numa sala mais organizada e atualizada. Além disso, é um incentivo para os funcionários, pois esse projeto é resultado de um trabalho conjunto realizado pelos agentes socioeducativos”, explica a diretora do Case NH, Elisete Moretto.

Com o recurso, a unidade irá adquirir novos exemplares, armários, entre outros equipamentos necessários para a sala. Para o presidente da Fase, Farelo Almeida, a união de esforços entre o Poder Judiciário, agentes socioeducativos e direção demonstra que o trabalho de ressocialização segue o caminho idealizado. “Essas ações tornam mais fáceis, eficientes e propositivas as ações de ressocialização. Minha gratidão a todos envolvidos nesse processo e desejo sucesso para equipe da Caseoteca. Levar leitura para as unidades é levar conhecimento, tranquilidade e proporcionar novas formas de pensar sobre a realidade e o futuro de cada jovem”, disse.

Objetivos da Caseoteca:

– Desenvolver habilidades sociais, culturais, intelectuais, criativas e psicológicas por meio da atividade terapêutica da leitura
– Construir uma consciência coletiva
– Colaborar no processo socioeducativo dos adolescentes em cumprimentos de medida de internação sem atividade externa
– Auxiliar no processo do cumprimento de medida em meio fechado reduzindo situações de risco e de saúde mental e física

263 visualizações 2 visualizadas hoje